Com boa representatividade e participação da população, aconteceu na última terça-feira (5) a primeira audiência pública para discussão do Plano Diretor, esse que consiste no conjunto de diretrizes máximas do município.

A audiência foi conduzida por André Melati- Mestre em Urbanismo, Arquiteto e Professor pela Universidade de Caxias do Sul, que apresentou as diretrizes e sanou as dúvidas dos presentes, afirmando que os pensamentos coletivos devem se sobressair as vontades individuais.

O Prefeito José Carlos Breda ressaltou a necessidade do Plano Diretor para garantir o crescimento organizado de Cotiporã, o qual abrange tanto a zona central como rural do município.  Ainda, salientou a importância da participação da população nas próximas audiências: “O Plano Diretor deverá ser construído a partir das vontades da população e não somente do Poder Executivo, por isso precisamos que a comunidade se interesse e interaja conosco” afirma o Prefeito Breda.

Com o Plano Diretor, Cotiporã poderá explorar suas potencialidades e enfrentar suas fraquezas, garantindo um desenvolvimento socialmente equilibrado, ambientalmente sustentável, assegurando o patrimônio histórico, cultural e natural, proporcionando a ocupação democrática do espaço urbano e incentivando mais oportunidades de emprego e renda à população.

A Prefeitura de Cotiporã conta com equipe especializada no desenvolvimento do Plano Diretor que, a partir desta primeira audiência pública, fará levantamento da atual situação do município e levará para discussão em mais uma audiência pública no mês de fevereiro de 2018. A conclusão do Plano está prevista para junho de 2018 e depois de finalizado, será transformado em Lei que irá estabelecer normas para a cidade no prazo de, no mínimo, 10 anos.



 

Facebook